Confissões e Confusões

Bom dia Tribo!! Bom dia pessoas!!

Criei essa nova categoria pra poder falar melhor sobre tudo que ocorre por detras dessa experiência mágica e única que estamos vivendo… afinal é tudo muito novo e ao mesmo tempo é como se sempre soubessemos como seria… confuso??? Que nada…. rsrsrsrs

E pra estreiar essa nova categoria resolvi contar pra vocês algumas provações que me aconteceram…. quando começamos a incororar é invitável não ter a dúvida: “Será que sou eu ou é a entidade???” sempre surge essa dúvida… e nossas entidades sempre arrumam uma forma de nos mostrar que estão presentes… umas vezes mais sutis outras tão descaradamente que voce tem certeza de que nunca se esta sozinho…. e comigo anda acontecndo várias pequenas coisas que só monstram a grandeza de minhas entidades… e que eu sou uma perfeita idiota quando penso ou duvido dessa ligação “médium + entidade”.

Na última gira de esquerda, sexta feira dia 27/07, a irmã da minha mãe faleceu e ela teve q viajar as pressas…. eu não tive um sentimento de perda grande por nao ter tido contato com essa minha tia… me preocupei exclusivamente com minha mãe… começou a gira… primeira gira aberta para a assistencia… muita gente… muito trabalho e aos poucos a preocupação foi afastada da minha cabeça e minha leba encostou em mim durante todos os trabalhos…. Seu Encruza se vira sozinho e mal precisa de mim por perto… quando acabaram os atendimentos minha leba veio e em determinada hora coversou bastante com minha cunhada… e disse no meio da conversa (detalhe nem era esse o assunto): “…é… a mãe dessa menina ta fazendo muito do choro…” isso bastou para que começasse a sentir um aperto enorme no meu coração… afinal ela tinha acabado de dizer q a minha mãe tava chorando… td bem q era bastante compreensivo ela estar chorando…. mas me doeu… e no que me doeu os meus sentimentos sobreporam os da Dolores, e num subto repentido ela disse: “…vou embora..” e assim fez ela… foi embora… ai eu penso… putz que bacana… ela nao deixou q eu interferisse no trabalho dela preferindo deixar q eu extravasasse as minhas emoções…é ou não é prova de incorporação??

Varias outras coisas mostram pra gente o qto nossas entidades estão presentes… frases ouvidas telepaticamente ao longo do dia… intuições fortes sobre algo… ou até ainda movimentos involuntários que as vezes pasam desapercebido… teve um outro caso que me deixou de cabelo em pé… minha cabocla tinha dito pra eu deixar as guias na cabeceira da cama da minha mãe… eu nao entendi… porém aprendi a não mais questionar… depois vim saber q minha mãe nao estava conseguindo dormir… que sempre vinha uma vontade enorme nela de chorar e que quando eu coloquei as guias la tudo voltou ao normal… ela sentiu paz e dormiu direito…. num é de se espantar??????

Essas coisas que acontecem sempre me deixam assim “embasbacada” e espero sempre ficar assim… afinal se acostumar com essas novas descobertas deve ser frustrante hehehehe

“Não é preciso entender… é sim aceitar!!”

Beijos a todos!!!

RY CHY CAY ARÁ

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: